jusbrasil.com.br
19 de Janeiro de 2022
    Adicione tópicos

    Como a tecnologia pode ajudar na ação para correção do saldo do FGTS?

    Robôs que realizam o cálculo do valor em minutos – parte 1

    Alex S. R. Aliaga, Advogado
    Publicado por Alex S. R. Aliaga
    ano passado

    Olá! Diz o ditado popular que ‘tempo é dinheiro’. Faço uma pequena observação: tempo é mais precioso que dinheiro. Lidar com o tempo é uma arte, pois o tempo mal gasto é desperdiçado para sempre.

    Seguindo esse raciocínio, a prestação de serviços jurídicos integrados na tecnologia e na inteligência artificial tornam a advocacia menos burocrática, especialmente para os clientes.

    Vamos a um exemplo.

    Para ajuizar ação judicial para correção do saldo do FGTS, é indispensável o cálculo do valor obtido a partir dos extratos do FGTS (desde 1999). Se o resultado do cálculo do valor for até 60 salários-mínimos (R$ 62.700,00), a ação obrigatoriamente será distribuída no juizado especial federal cível. Se o valor for maior (R$ 62.700,00) será exclusivamente justiça federal com recolhimento de custas judiciais.

    Então, é necessário conhecer o resultado do cálculo do valor. Protocolar uma ação na justiça errada – distribuir ação no juizado especial federal cível quando o valor da causa é superior a 60 salários-mínimos - tem como resultado a extinção do processo, sem julgamento do mérito. Um bom exemplo de tempo mal gasto desperdiçado para sempre.

    Muitos escritórios de advocacia fazem uso de planilhas de cálculo adquiridas pela internet ou utilizam ferramentas oferecidas pelos tribunais, a exemplo do belo trabalho oferecido pela Justiça Federal do Rio Grande do Sul.

    Embora a ferramenta oferecida pelos tribunais mereçam aplausos, por outro lado, quem opta em realizar o cálculo do valor nestas plataformas ou planilhas Excel comprados na internet desprestigiam a evolução da tecnologia, abandonado agilidade e velocidade na prestação do serviço.

    Explico.

    Se o extrato FGTS do cliente tiver, por exemplo, 40 folhas, alguém (normalmente o estagiário) passará horas digitando os valores depositados mês a mês, desde 1999. Agora imagine que, num mesmo dia, o escritório recebeu 5 clientes com extratos com média de 40 folhas. Dá para imaginar quanto tempo, quantas horas ou dias o cliente irá esperar para saber o resultado do cálculo? Impensável atualmente não é mesmo?

    Pensando nesta situação - tecnologia e agilidade - alguns escritórios possuem parceria com startups e conseguem fornecer o valor do cálculo em poucos minutos, não importando a quantidade de folhas do extrato. Isso mesmo, a resposta ocorre em minutos.

    Algumas startups desenvolveram ‘robôs’ que auxiliam com tarefas repetitivas, como a leitura e extração de informações necessárias para o cálculo do valor, alimentando uma planilha inteligente que consegue realizar o cálculo preciso do que se pretende restituir.

    Para que esses robôs possam trabalhar corretamente, o interessado deverá obter os extratos exclusivamente no portal FGTS ou aplicativo FGTS, disponível para Android ou IOS.

    No primeiro acesso, o interessado deve ter em mãos a carteira de trabalho, pois algumas perguntas serão realizadas promovendo a segurança do sistema escolhido. Não se esqueça de apresentar todos os extratos a partir de 1999, independentemente de saque posterior dos valores do Fundo de Garantia.

    Enfim, você não precisa esperar horas para que alguém preencha uma planilha para obter o cálculo do valor. Em poucos minutos você pode ter o resultado do seu cálculo, já podendo ajuizar ação judicial para correção do saldo do FGTS, no juizado especial federal cível ou justiça federal.

    Tempo é dinheiro? Reitero: Tempo é mais precioso que dinheiro. Lidar com o tempo é uma arte, pois o tempo mal gasto é desperdiçado para sempre. O uso da tecnologia na advocacia representa produtividade e qualidade na prestação dos serviços jurídicos. Para o cliente, representa acesso à informação segura e com rapidez.

    Na próxima publicação, abordaremos como os documentos assinados eletronicamente estão modificando a rotina de departamento jurídicos de empresas e escritórios de advocacia.

    Até mais!

    Alex S. R. Aliaga

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)